• Tendência Inclusiva

QUAL MELHOR ESTILO PARA SE SEGUIR? O SEU!


Consultoria de estilo e de imagem pessoal, você sabe o que são? Mais do que tentar te encaixar em estilos já pré-estabelecidos, como estilo clássico, esportivo, casual. O consultor de estilo analisa a roupa que funciona bem para cada tipo de pessoa, adequando o guarda-roupas ao estilo e personalidade do cliente, de modo que ele se sinta feliz e satisfeito com a própria aparência. E ponto!

Causa-me arrepios a lista de proibições que colunistas de estilo de algumas revistas fazem para este ou aquele estilo corporal. A última mancada partiu de The Oprah Magazine (daquela famosa apresentadora mesmo). A seção de estilo da revista, que se dedica a responder dúvidas das leitoras, saiu com essa:

Leitora: Eu posso usar um top cropped? (para ficar mais fácil, aquelas blusinhas curtinhas, que deixam uma faixa da barriga a mostra)

The Oprah Magazine: Se você tem (e apenas se você tem) uma barriga negativa, fique livre para experimentar um. Para uma cobertura maior, use o top com uma saia longa.

Custo a acreditar que alguém com formação em consultoria possa dar uma resposta dessas. Diariamente, recebo essas perguntas sobre a silhueta plus size:

  • Posso usar roupas estampadas?

  • Devo só usar roupas pretas?

  • Plus size pode usar listras verticais?

  • O meu corpo é oval. Posso usar roupas sem ser saco de batatas?

A minha resposta é: qual o objetivo terá com essa peça? Usará em ambiente de trabalho ou em lazer? Existem códigos de condutas de vestimentas no seu trabalho? Você gostou da roupa? Vai ficar à vontade usando?

Claro que essa é uma análise superficial. A consultoria de estilo leva tempo. Depois de entender o que a pessoa precisa, respondo sempre o que falei no primeiro parágrafo: a sua vestimenta tem que te deixar feliz.

Não se apegue a proibições! Pare de focar em corpo retângulo, oval, triângulo invertido... Essas definições já caíram de moda.

Siga seu coração!


#rafacoelho

© Copyright Tendência Inclusiva  2014 / 2020