• Tendência Inclusiva

TELHADO VERDE.



Tudo é uma questão de aproveitamento do espaço com criatividade.

Começamos pelos Jardins Suspensos da Babilônia.

De acordo com alguns documentos antigos, o palácio do Rei Nabucodonosor, tinha um imenso jardim, que foi construído para satisfazer as vontades de Amitis, sua esposa. Amitis sentia saudades da natureza na sua terra natal.

Apesar das controvérsias relacionadas à construção do jardim, temos um fato: é encantador e, nos dias de hoje, estamos em processo de adaptação ao modelo desta obra paisagística.


Com os olhos voltados ao clima e ao nosso bem estar, encontramos floreiras, hortas e jardins modernos e interessantes. Um ambiente propício ao equilíbrio da mente e à sustentabilidade, fez com que alguns locais, como restaurante e coberturas de prédios em grandes capitais aderissem ao verde.

Os impactos das ações do homem, fizeram do Telhado Verde um excelente aliado para diminuição do aquecimento global.


Mas o que é o Telhado Verde?

Uma técnica da arquitetura que tem como objetivo o plantio de árvores, flores e hortas nas coberturas das residências e nos telhados dos edifícios. É a criação de uma nova área verde em regiões urbanizadas. Podemos acrescentar que é a substituição de coberturas artificiais por coberturas vivas.

Este telhado exige alguns procedimentos de impermeabilização e montagem, mas existem profissionais especializados e diversos sites que poderão ajudar a sanar as dúvidas. Devemos nos atentar para aplicação de forma correta, pois do contrário, pode gerar infiltração.

De acordo com as pesquisas realizadas para escrever esta matéria, encontrei relatos de que Brasil é um produtor de impermeabilizante, cuja a matéria-prima é de baixo custo e não tóxica: o óleo de mamona.


Acima um breve esboço representa a montagem do telhado.

Não apenas pela beleza, encontramos um restaurante em Nova York, o Bell Book & Candle, que tira proveito da sua própria horta e pomar. E acreditem, tudo isto no telhado do próprio restaurante. A criatividade junta-se à necessidade!


Endereço: 141 W 10th St, New York, NY 10014, Estados Unidos

Há um consenso sobre a urgência de mudanças nos nossos hábitos em relação à conservação do meio ambiente e uma melhor qualidade de vida, tendo como um dos objetivos, a transformação da infraestrutura *cinza em verde.

A iniciativa pode ser individual, começando dentro de nossas casas, pode vir da comunidade adotando o verde em espaços comuns, das empresas privadas e até mesmo de órgãos públicos.

A sede da Prefeitura Municipal de São Paulo tem um telhado deslumbrante com várias espécies catalogadas. Em meio a urbanização, podemos encontrar desde Palmeiras-Jerivá até Pau- Brasil.

A tendência verde torna o espaço bem mais agradável e com conforto térmico em ambientes internos, ao contrário do telhado convencional, que torna os ambientes mais quentes devido ao acúmulo de calor.Ainda temos a vantagem da absorção da poluição sonora, pois estes telhados servem de barreira acústica. Um atrativo para o público e uma contribuição para o planeta.

Observem a simulação de prédios com jardins e telhados verdes em Beirute.

O efeito disto?

A diminuição da “ilha de calor”, ou seja, uma grande diferença da sensação térmica dentro de uma região arborizada em comparação com outra formada de concretos apenas.

Com isto, respiramos melhor e vivemos melhor.


E quando as coberturas verdes se tornam lei?

Toronto no Canadá e Copenhague na Dinamarca lideram o ranking de cidades que implementaram a Lei referente às coberturas verdes. Na lei municipal de várias cidades do mundo, são estabelecidos requisitos e exigências em relação a área a ser construída.

Abaixo, projeção feita por alunos de uma Universidade em Toronto.


As mudanças na cidade com relação aos espaços verdes em um intervalo de 10 anos.

Nos dias atuais, é extremamente raro avaliarmos nossas vidas sob outra perspectiva. Muitas vezes, a correria do dia a dia, a falta de tempo e os avanços tecnológicos nos tornam comodistas em relação às melhorias em prol do nosso próprio bem, da nossa própria saúde e bem estar. Juntando esforços, podemos mudar nossas atitudes, tendo como foco a tão desejada qualidade de vida. Tudo isto, apresentado nesta matéria, é possível. A responsabilidade individual e coletiva é primordial para um mundo mais sustentável.

"Quando pensamos em meio ambiente, corremos o risco de identificar uma série de coisas, que deveríamos fazer e não fazemos, preocupações que deveríamos ter."

E façamos a nossa parte!

*A infraestrutura cinza, aqui abordada, refere-se ao concreto das edificações.


Lícia Lima é Formada em Comunicação Social na área de Relações Públicas e Decoração de Interiores & Design de Móveis. Tem experiência como Produtora de Marketing em livro didático para ensino fundamental e fez parte do Conselho Editorial de uma editora infanto-juvenil. Fez teatro e trabalhou na coordenação de oficina de textos para crianças e jovens. Atua de forma indireta na proteção dos animais e defesa do meio ambiente. Administra 3 comunidades no Facebook: Letras e Imagens, Natureza em Vida e Entre Flores e Artes. É co-administradora da Fanpages Tendência Inclusiva e Procura-se.

liciabhmg@yahoo.com.br

#licialima

© Copyright Tendência Inclusiva  2014 / 2020