• Tendência Inclusiva

MITOS E VERDADE NA CONTRATAÇÃO DE PESSOAS COM DEFICIÊNCIA


O atual momento político e econômico que estamos enfrentando na atualidade afeta não apenas a nós, profissionais, mas também as empresas.

Muitas delas, pensando inclusive na diminuição de custos, optam por reduzir seus quadros de profissionais, o que torna este momento ainda mais difícil.

Se trouxermos esta questão para o cenário do deficiente, teremos um desafio ainda maior, pois nem mesmo todas as conquistas obtidas até aqui foram capazes de destruir alguns dos mitos sobre a contratação de deficientes.

Alguns conhecemos muito bem, pois são os mesmos de sempre, porém outros requerem um pouco mais de nossa atenção.

  • Mito 1: Pessoas com deficiência não possuem qualificação

  • Mito 2: Pessoas com deficiência apresentam problemas comportamentais

  • Mito 3: A contratação de pessoas com deficiência deve ser assistida

  • Mito 4: Para contratar um profissional com deficiência devo demitir outro sem deficiência

  • Mito 5: Funcionários com deficiência não podem ser demitidos

  • Mito 6: Pessoas com deficiência não são capazes de cumprir ou bater metas

  • Mito 7: Não posso cobrar desempenho de pessoas com deficiência

  • Mito 8: Não preciso promover pessoas com deficiência, pois estão apenas cumprindo cota

  • Mito 9: Pessoas com deficiência valorizam mais o trabalho do que profissionais sem deficiência

  • Mito 10: Contratar pessoas com deficiência exige alto investimento em acessibilidade

Pare e reflita comigo: você já se deparou com algum destes mitos ao buscar uma oportunidade de trabalho?

Se a sua resposta foi positiva, o primeiro passo é manter a calma. Vamos desmistificar cada um destes mitos e apresentar as 10 ações que as empresas devem praticar para contratar pessoas com deficiência:

  • Ação 1: Estruturar e implementar um Programa de Inclusão Institucional

  • Ação 2: Definir uma política para a contratação, promoção e retenção de pessoas com deficiência

  • Ação 3: Oferecer treinamento especializado aos colaboradores, profissionais de RH, gestores e liderança

  • Ação 4: Investir em acessibilidade e em tecnologias assistivas

  • Ação 5: Contratar pessoas com deficiência para todas as áreas e níveis da empresa

  • Ação 6: Contratar pessoas com deficiências diversificadas

  • Ação 7: Acompanhamento e suporte das pessoas com deficiência contratadas e dos respectivos gestores

  • Ação 8: Fornecer informações para todos da empresa sobre a empregabilidade de pessoas com deficiência

  • Ação 9: Identificar pontos de melhoria e aprimoramento do Programa de Inclusão

  • Ação 10: Apoiar e participar de ações da sociedade que tragam melhoria na qualidade de vida das pessoas com deficiência


A adoção destas ações por parte das empresas para a contratação de pessoas com deficiência torna-as mais inclusivas e atrativas para estes profissionais e o ambiente de trabalho mais propício para aproveitar os benefícios da diversidade.

Se sua empresa pratica uma ou mais ações dessa lista, compartilhe conosco nas redes sociais. Vamos juntos mostrar aos que ainda acreditam em mitos que eles nada mais são que passos para trás.


Rodrigo Anunciato é redator da Tendência Inclusiva. Bacharel em Comunicação Social. Master of Business Administration em Recursos Humanos. Gerente de Soluções e Projetos da área de Gestão & Talentos da GS&MD-Ebeltoft Brasil. Atualmente é responsável pela gestão de soluções, condução de ações de desenvolvimento de metodologias, conteúdos e gestão de projetos para o setor de varejo e internacional. Há mais de 10 anos no setor de recursos humanos sendo os últimos 6 anos na GS&MD-Gouvêa de Souza.

rodrigo.anunciato@terra.com.br

#rodrigoanunciato

© Copyright Tendência Inclusiva  2014 / 2020